Os bons empregados também perdem a motivação?

Claro que sim! As promessas não cumpridas, a falta de oportunidades de crescimento na carreira e a falta de reconhecimento de um trabalho bem desenvolvido, são algumas das origens da desmotivação de um colaborador. E recuperar a motivação de um empregado desmotivado não é fácil.

Falta de Oportunidades

Uma das causas mais frequentes do desânimo é quando surge uma vaga numa posição hierarquicamente acima e em vez de a empresa permitir a algum colaborador uma ascensão na carreira, contrata uma pessoa nova.

O reverso da medalha também não é positivo, pois forçar uma pessoa a executar novas funções que não se enquadram tanto no seu perfil pode dar mau resultado.

Reconhecimento
Saber reconhecer e elogiar um bom trabalho é uma das características mais importantes de um gestor. Qualquer colaborador gosta de ver o seu esforço reconhecido, no entanto, é algo que não pode ser com muita demasiada frequência. O espaço temporal entre a atitude merecedora de ser elogiada e o elogio deverá ser o mais curto possível.

Falsas Expectativas e Promessas não cumpridas

 

As falsas expectativas surgem principalmente no acto da contratação de um colaborador, quando o empregador transmite uma ideia das funções a assumir e acaba por se verificar algo abaixo do inicialmente conversado.

É realmente frustrante, quando a entidade empregadora afirma haver aumentos em breve, ou uma melhoria das condições de trabalho, e o tempo passa, e passa, e continua tudo na mesma, levando os colaboradores a perderem a confiança na empresa. Este é dos factores que mais pode contribuir para que o colaborador caia num verdadeiro clima de desmotivação.

 

 

Lacunas na Comunicação

Quando a empresa sabe ouvir e dar atenção aos seus colaboradores, instala-se automaticamente um ambiente próspero, no entanto quando isto não acontece, ou seja, quando os colaboradores opinam e ninguém lhes presta atenção, nem tão pouco seguem as suas opiniões, leva a que as pessoas opinem com menos frequência. Os colaboradores desta forma não batalharão da mesma forma pelo sucesso da empresa, pois não se sentem importantes dentro da organização.

Por muito bom empregado que seja, por muito bem que execute as suas tarefas, se a sua empresa falha redondamente nalguns dos aspectos acima focados, é natural que se sinta desmotivado. De qualquer forma, faça tudo para que a sua auto-motivação se mantenha bem activa, pois os estímulos externos nem sempre surgem da forma mais positiva.

One thought on “Os bons empregados também perdem a motivação?

  1. søgemaskineoptimering københav Reply

    Outros desconhecem completamente as técnicas de recrutamento, seleção, integração, treinamento, avaliação de desempenho, motivação e de chefia e liderança. Temendo se incomodar com funcionários, preferem fazer do que delegar. 1º. Dispense os piores. …

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*